Ferroviário-CE é bicampeão invicto da Série D

O Ferroviário-CE é o primeiro time a conquistar o bicampeonato da Série D – o outro título foi em 2018. A vitória por 2 a 1 sobre a Ferroviária-SP, na tarde deste sábado (16), no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, veio com gols de Deizinho e Ciel e com direito a recorde de público em jogos de torcida única do Ferroviário – mais de 12 mil pessoas presentes. O atacante Vitor Barreto fez o gol para a Locomotiva.

Com o resultado, o Nordeste alcançou a liderança dos campeonatos da Série D, disputados desde 2009. Agora, são seis títulos para a região, contra cinco do Sudeste, dois do Sul, um do Norte e outro do Centro-Oeste.

Ciel fez o gol da vitória do Ferroviário-CE na decisão contra a Ferroviária-SP

Aportes

“Os investimentos na Série D são parte do propósito da CBF de fortalecer e dar mais qualidade ao trabalho dos clubes. Nunca antes a CBF fez aportes tão significativos e continuaremos trabalhando cada vez mais pelo fortalecimento do futebol brasileiro. Parabenizo o Ferroviário-CE pela conquista do campeonato e o vice-campeão, a Ferroviária-SP”, disse o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Gol-relâmpago

O jogo começou em ritmo acelerado. Logo no primeiro minuto, Deizinho abriu o placar para o Ferroviário-CE. Aproveitou rebote do goleiro Saulo após um chute forte de Ciel. Como ninguém entrou em campo com vantagem, pois na partida anterior houve empate por 0 a 0 em Araraquara-SP, o gol de Deizinho já era suficiente para dar o título à equipe cearense.

Deizinho comemora o primeiro gol do Ferroviário-CE na decisão

Intensidade

Quem imaginava uma vitória tranquila do mandante, a partir de seu início avassalador, enganou-se. A Ferroviária-SP não se intimidou e partiu para o ataque. Gustavo Medina quase marcou de cabeça. No ímpeto de empatar, a Locomotiva correu riscos, possibilitando contra-ataques perigosos do mandante.

Na verdade, o Ferroviário-CE criou quatro chances (com Ciel, Gabryel Martins e duas vezes com Matheus Silva) até o lance de empate do time paulista.

O empate da Ferroviária-SP

Vitor Barreto, o melhor da Ferroviária-SP na etapa inicial, não hesitou diante de uma falha da zaga adversária e fez um bonito gol, encobrindo o goleiro Igor Rayan.

Xem thêm:  Esses são os 7 Jogos PG Soft com RTP mais elevado!

Ainda havia tempo nos 45 minutos iniciais para outra jogada de peso do Ferroviário-CE, nos pés de seu atacante Ciel. Ele pegou de primeira um cruzamento e obrigou Saulo a fazer uma defesa digna de final de campeonato.

Jogadores da Ferroviária vibram com o gol de empate marcado por Vitor Barreto

Ciel desequilibra

No segundo tempo, o jogo tomou outro rumo quando, aos 6 minutos, Ciel se antecipou aos marcadores para fazer 2 a 1. A Ferroviária-SP não se entregou, mas o fôlego de antes não era o mesmo.

O título estava bem próximo e a torcida já não se continha na arquibancada. Até que o apito final de Leandro Pedro Vuaden deu início à festa do Tubarão da Barra.

Euforia dos jogadores do Ferroviário com o gol de Ciel: 2 a 1 para o time cearense

Como jogaram as equipes

Ferroviário-CE – Igor Rayan; Wesley, Alisson, Éder Lima e Matheus Silva; Lincoln, Cesar Sampaio e Tarcísio (Brayan); Deizinho, Gabryel Martins (Thiaguinho) e Ciel. Técnico – Paulinho Kobayashi.

Ferroviária-SP – Saulo; Lucas Rodrigues, Gustavo Medina, Ronaldo Alves e Vitor Ricardo; Pablo Gabriel, Paulinho Santos (Felipinho) e Thomaz; Antonio (Cantarelli), Pilar e Vitor Barreto (Batista). Técnico – Alexandre Lopes.

+100k
+50k
+120k
+1M
+75k
$